A NOVA LEI NA PRÁTICA

PRESENCIAL E ONLINE

2, 3 e 4

de outubro de 2024

Saiba Como Analisar um Edital de Licitação

Individuo analisando o edital de licitação

Um edital de licitação é um documento oficial e público emitido pela administração pública ou por entidades governamentais que estabelece as regras, condições e exigências para a realização de um processo licitatório. 

É nele que constará todas as informações relevantes sobre o processo de licitação e é de extrema importância para que os participantes interessados possam entender e cumprir as exigências necessárias para concorrer de forma adequada. 

Ele geralmente é divulgado por meio de publicações oficiais, como Diário Oficial, e também pode ser disponibilizado em sites ou plataformas eletrônicas de compras governamentais.

Fique aqui comigo que te contarei todos os detalhes para você possa entender tudo sobre esse instrumento convocatório e ter sucesso nas licitações que participar, tais como:

  • O que deve conter um edital de licitação
  • Como ler um edital de licitação
  • Entendendo os termos e linguagem técnica
  • Como ter sucesso nas licitações
  • Onde encontrar editais de licitação

Resumo esquemático para quem tem pressa

O que é um edital de Licitação:
- Documento oficial da administração pública para processos licitatórios.
- Define regras, condições e exigências da licitação.
- Publicado em Diário Oficial, sites governamentais ou plataformas eletrônicas.

Conteúdo do Edital:
- Preâmbulo: Informações iniciais e identificadores.
- Objeto: Detalhes do que está sendo licitado.
- Requisitos de participação: Documentos necessários para concorrência.
- Procedimento de licitação: Etapas, prazos e forma de julgamento.
- Esclarecimentos e impugnações: Solicitações e contestações.
- Garantias: Tipos e valores das garantias exigidas.
- Proposta de preço e documentos de habilitação: Documentação a ser apresentada.
- Critérios de julgamento: Base para avaliação das propostas.
- Adjudicação e homologação: Escolha da proposta vencedora.
- Condições contratuais: Termos do contrato.
- Anexos: Documentos complementares.

Como Ler um Edital:
- Leitura minuciosa para entender cláusulas e requisitos.
- Evitar erros que possam levar à desclassificação.
- Atentar a prazos e sanções.

Dicas para Sucesso nas Licitações:
- Leitura atenta e completa do edital.
- Organização da documentação exigida.
- Compreensão detalhada do objeto licitado.
- Elaboração de proposta competitiva.
- Apresentação profissional e pontual.
- Acompanhamento de retificações e esclarecimentos.
- Conhecimento dos concorrentes.
- Cumprimento rigoroso dos prazos.
- Conduta ética e transparente.
- Aprendizado contínuo.

Onde Encontrar Editais de Licitação:
- Plataforma ConLicitação oferece oportunidades.

Cadastre-se no ConLicitação

O que deve conter um edital de licitação?

O edital de licitação possui uma estrutura padronizada para facilitar a compreensão e a organização das informações. A estrutura e o conteúdo do edital incluem as seguintes seções:

  1. Preâmbulo
  2. Objeto
  3. Requisitos de participação
  4. Procedimento da licitação
  5. Esclarecimentos e impugnações
  6. Garantias
  7. Proposta de Preços e Documentos de Habilitação
  8. Critérios de Julgamento
  9. Adjudicação e Homologação
  10. Condições Contratuais
  11. Anexos

Falaremos sobre cada uma logo abaixo. 

Preâmbulo do Edital

Contém informações preliminares sobre o órgão que realiza a licitação, a modalidade, o tipo de licitação, o número do processo administrativo, a data de publicação, entre outros dados identificadores.

Aqui muito importante que o licitante preste atenção sobre qual lei vai reger o certame, uma vez que com a Nova Lei de Licitações – Lei nº 14.133/2021 – a administração pública poderá já utilizá-la ou poderá optar por utilizar a Lei nº 8.666/1993 até dezembro de 2023, sendo vedado mesclar ambas. 

Objeto

Descrição detalhada do objeto da licitação, ou seja, o que está sendo licitado, sejam serviços, obras ou aquisição de bens. Deve ser claro e preciso, permitindo que os interessados entendam exatamente o que está sendo solicitado. Atenção aqui para eventual direcionamento de marcas. 

Requisitos de Participação

Nesta seção, são indicados os critérios e documentos necessários para que os participantes possam concorrer à licitação, como habilitação jurídica, qualificação técnica, qualificação econômico-financeira e regularidade fiscal.

Atenção que as microempresas e empresas de pequeno porte possuem exclusividade em licitações até R$ 80.000,00 (oitenta e mil reais). 

Procedimento de Licitação

Detalhamento das etapas e prazos do processo licitatório, incluindo a data de abertura e fechamento das propostas, a data da sessão pública de abertura, a forma de julgamento das propostas e eventuais critérios de desempate.

Esclarecimentos e Impugnações

 Informações sobre como os participantes podem solicitar esclarecimentos sobre o edital e os procedimentos para apresentar impugnações, caso identifiquem irregularidades ou inconsistências no documento. É direito seu, licitante, então não deixe de solicitar esclarecimentos no caso de dúvidas e impugnar quando verificar alguma ilegalidade.

Garantias

Se houver exigência de garantias, essa seção explicará os tipos e os valores que os licitantes devem apresentar como garantia de participação ou execução do contrato.

Propostas de preço e documentos de habilitação

Detalhamento dos documentos que devem ser apresentados junto à proposta e da forma como esses documentos devem ser organizados e entregues. Importante aqui que o licitante faça um checklist para não esquecer nenhum documento.

Critérios de Julgamento

Descrição dos critérios que serão utilizados para avaliar as propostas e selecionar a vencedora, como menor preço, melhor técnica ou técnica e preço.

Adjudicação e Homologação

Informações sobre o procedimento de adjudicação, que é a escolha da proposta vencedora, e sobre a homologação, que é a aprovação do resultado final da licitação.

Condições Contratuais

Cláusulas e condições que serão exigidas no contrato a ser firmado com o licitante vencedor.

Anexos

Documentos complementares ao edital, como formulários, modelos de proposta, minuta de contrato, entre outros.

Como ler um edital de licitação?

Para entender o documento, você deve dedicar tempo à leitura, ainda que o conteúdo possa ser extenso. Direcione sua atenção principalmente às regras de conduta e participação, bem como às sanções para inadimplentes.

Lembre-se que, se não cumprir tudo o que for apontado no edital de licitação, você não poderá concorrer ao certame, e será desclassificado.

Será ainda pior se erros na documentação por parte de sua empresa forem descobertos após o processo, pois mesmo que você tenha sido vencedor, perderá o objeto e ainda será suspenso de participar de licitações durante um determinado período de tempo.

Para que você consiga entender totalmente os editais, preparamos um manual que fala tudo que você precisa para ler um edital. Baixe gratuitamente!

Entendendo os Termos e Linguagem Técnica

Entender os termos e a linguagem técnica utilizados em um edital de licitação é fundamental para que os participantes possam interpretar corretamente todas as informações e cumprir com as exigências do documento.

Alguns termos comuns e linguagem técnica encontrados em editais de licitação incluem:

  1. Modalidade de licitação: Refere-se ao caminho que a licitação será realizada, como concorrência, pregão, leilão, diálogo competitivo. Cada modalidade possui regras específicas.
  2. Objeto da licitação: Descrição detalhada do que está sendo licitado, como obras, serviços ou aquisição de bens.
  3. Habilitação jurídica: Documentos que comprovam a existência legal da empresa, como o registro na Junta Comercial e o contrato social.
  4. Qualificação técnica: Documentos que comprovam a capacidade técnica da empresa para realizar o objeto da licitação, como atestados de capacidade técnica e registro em órgãos de classe.
  5. Qualificação econômico-financeira: Documentos que comprovam a situação financeira da empresa, como balanços e demonstrativos contábeis.
  6. Regularidade fiscal: Documentos que comprovam a regularidade da empresa perante a Receita Federal, como certidões negativas de débitos.
  7. Prazos decadenciais: Prazos específicos em que os participantes podem impugnar o edital ou apresentar recursos.
  8. Adjudicação: Etapa em que é escolhida a proposta vencedora.
  9. Homologação: Aprovação do resultado final da licitação pelo órgão responsável.
  10. Anexos: Documentos adicionais que complementam o edital, como formulários, modelos de proposta, minutas de contrato, entre outros.
  11. Subcontratação: Possibilidade de a empresa vencedora subcontratar parte dos serviços ou obras a outras empresas.
  12. Cronograma físico-financeiro: Detalhamento das etapas e prazos para a execução do objeto licitado e a forma como os pagamentos serão realizados.
  13. Orçamento estimado: Valor máximo que a administração pública está disposta a pagar pelo objeto da licitação.
  14. Declaração de pleno conhecimento: Declaração do licitante de que possui total conhecimento das condições e exigências do edital.

Esses são apenas alguns exemplos de termos e linguagem técnica que podem ser encontrados em editais de licitação.

É essencial que os participantes se familiarizem com esses termos e busquem compreender todas as especificações do edital para garantir que sua participação esteja de acordo com o que é exigido.

Em caso de dúvidas, é recomendado buscar esclarecimentos junto ao órgão responsável pela licitação ou consultar profissionais especializados na área de licitações.

Como ter sucesso nas licitações?

Para participar de uma licitação com sucesso, é importante estar bem preparado e seguir algumas dicas que podem aumentar suas chances de ser selecionado como vencedor. 

Confira abaixo algumas de nossas orientações.

Leia o edital atentamente

O primeiro passo é ler minuciosamente o edital. Compreenda todas as cláusulas, requisitos e condições estabelecidas no documento. Isso é fundamental para evitar erros e garantir que sua proposta esteja em conformidade com o que é exigido.

Organize a documentação

Certifique-se de que sua empresa possui todos os documentos necessários para participar da licitação. Reúna antecipadamente os comprovantes de habilitação jurídica, qualificação técnica, qualificação econômico-financeira e regularidade fiscal.

Conheça bem o objeto da licitação

Entenda completamente o que está sendo licitado, seja um serviço, uma obra ou aquisição de bens. Faça visitas técnicas ao local, se aplicável, para obter uma compreensão detalhada do escopo do trabalho.

Elabore uma proposta competitiva

Ao preparar sua proposta, destaque os pontos fortes de sua empresa e ofereça um preço competitivo. Certifique-se de que a proposta atenda a todos os requisitos estabelecidos no edital.

Apresente-se de forma profissional

Sua empresa deve se apresentar de forma profissional durante todo o processo de licitação. Isso inclui entregar os documentos de forma organizada, responder a questionamentos de maneira clara e cordial, e cumprir todos os prazos estabelecidos.

Esteja atento às retificações e esclarecimentos

Fique atento a possíveis retificações ou esclarecimentos do edital. É importante acompanhar as informações atualizadas para garantir que sua proposta esteja de acordo com as alterações, se houver.

Conheça os concorrentes

Procure conhecer os outros licitantes e suas capacidades. Isso pode ajudar você a identificar seus pontos fortes e se diferenciar na proposta.

Cumpra rigorosamente os prazos

Respeite os prazos estabelecidos no edital para a entrega da documentação e proposta. O não cumprimento dos prazos pode levar à desclassificação.

Seja ético

Cumpra todas as normas e regras de forma ética e transparente. Não tente obter vantagens indevidas ou agir de forma antiética durante o processo licitatório.

Aperfeiçoe-se continuamente

Se sua empresa não for selecionada como vencedora, não desanime. Aproveite a experiência para aprender e aperfeiçoar seus processos, e continue buscando participar de outras licitações.

Lembrando que cada licitação é única e pode ter suas particularidades, portanto, é essencial adaptar-se a cada edital específico. Ao seguir essas dicas e estar bem preparado, sua empresa terá maiores chances de sucesso em processos licitatórios. 

Onde encontrar editais de licitação?

Se você está com dificuldades para encontrar editais de licitação, fique tranquilo, pois o ConLicitação pode te ajudar neste sentido. Confira no vídeo abaixo como fazemos para enviar aos nossos clientes as melhores oportunidades em licitação!

Ficou com alguma dúvida?

Não hesite em falar com a gente nos comentários – amamos responder todas as dúvidas!

Conte sempre com a gente!

Um grande abraço e ótimos negócios!

4 comentários em “Saiba Como Analisar um Edital de Licitação”

  1. Pingback: Três boas razões para você vender para o governo - ConLicitação

  2. Pingback: Como participar de licitações de prefeituras - ConLicitação

  3. Pingback: Passo a passo para começar a licitar - ConLicitação

  4. Pingback: Balanço Patrimonial para Licitação - Tudo sobre Licitações – ConLicitação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *