UFPel lançará edital de licitação para o restauro definitivo do Casarão 8

A UFPel firmou no dia 11 de agosto, no Núcleo de Assessoramento Jurídico da Advocacia-Geral da União (NAJ/AGU), em Porto Alegre, compromisso definitivo em restaurar o Casarão 8, através do lançamento do edital de licitação ainda nesta semana. Com esta medida a Universidade pretende fortalecer a memória local e a diversidade cultural e recolocar o Casarão 8 na vida cultural da cidade.

coloristica casarao 8 300×186 UFPel lançará edital de licitação para o restauro definitivo do Casarão 😯 restauro é necessário para a preservação deste importante patrimônio cultural e a adequação das instalações ao novo uso. Em 2009, a Universidade deu início ao restauro emergencial do Casarão com o intuito de conter o processo de degradação que a obra sofria em função da ação do tempo, da falta de manutenção e de cuidados adequados. Nesta etapa, foram feitos reforços na estrutura, recuperação de esquadrias, recuperação da instalação elétrica entre outras medidas emergenciais.

O projeto de restauro definitivo mantém todas as características originais do prédio e foi aprovado pelo Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional – Iphan, após longo período de análise. Com orçamento de R$ 2,1 milhões o projeto de restauro tem cronograma previsto para 24 meses. Considerando o interesso público e científico, o Casarão sediará o Museu do Doce e o Museu da Antropologia e Arqueologia, além de uma sala de cinema, auditório, salas de exposição permanente, uma sala de exposição temporária, espaço para oficinas e ações educativas, um laboratório de conservação, setor administrativo, área de acolhimento e convivência e um local destinado para estudos e pesquisas.

De acordo com o presidente da Comissão de Implantação do Museu de Antropologia e Arqueologia, Pedro Luis Machado Sanches, é importante que parte do espaço físico seja destinada às exposições temporárias e outras atividades que promovam a integração da comunidade. “Enquanto espaço de localização privilegiada, o museu deve servir de aglutinador de interesses diversos de diferentes áreas de conhecimento presentes na universidade e também o espaço de expressão de grupos sociais diversos”, disse o presidente.

Construído em 1878 pelo conselheiro Francisco Antunes Maciel, o Casarão 8 foi tombado em nível federal pelo Iphan em 1977. O Instituto considera o prédio, o segundo mais belo patrimônio do País. A obra é atribuída ao arquiteto italiano José Isella, autor também da capela da Santa Casa de Pelotas. Ganha destaque na obra a riqueza de elementos arquitetônicos da fachada com ornatos em estuque, balaústres e estátuas em faiança.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social
Universidade Federal de Pelotas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas