Trânsito de Londrina terá 18 radares fixos até o fim do ano

A instalação dos radares fixos e videovigias em Londrina, programada para o início do segundo semestre, só deve ocorrer no final do ano. A estimativa otimista é do presidente da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), José Carlos Bruno de Oliveira, que admite o atraso.
“Finalizamos o Termo de Referência para licitar o serviço recentemente. O documento foi encaminhado ao Observatório de Gestão Pública (OGPL), que deverá nos auxiliar na avaliação para que não haja nenhum problema durante a licitação que atrase ainda mais o processo”, disse.
Caso o OGPL verifique o documento e não constate nenhum problema técnico, a CMTU publica o edital e dá início ao processo de licitação, com conclusão prevista para o fim do ano. Segundo estimativa média da Secretaria de Gestão Pública do município, respeitando prazos legais, do Termo de serviço à conclusão do processo, vão pelo menos 93 dias para conclusão. “É meu objetivo como gestor, quero conseguir instalar estes equipamentos até o fim do ano”, afirmou o presidente. Procurada, a diretoria do OGPL disse ainda não ter conhecimento da documentação.
A ideia da CMTU é implantar 18 radares fixos em pontos estratégicos da cidade, mas com a possibilidade de fazer um rodízio dos aparelhos em outros pontos.
Como a cidade não conta com nenhum radar fixo instalado e os videovigias não estão em funcionamento, a fiscalização é feita atualmente com apenas dois radares móveis.
Os 25 equipamentos de videovigia estão desligados desde janeiro de 2014.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas