Sinop criará banco de calcário em gleba.

Criada em 1997 e com uma área de aproximadamente 38 mil hectares, o Projeto de Assentamento Weslei Manoel dos Santos- a Gleba Mercedes – é fonte de sustento para cerca de 500 famílias que sobrevivem economicamente da agricultura familiar. Para subsistência, trabalham na produção de mandioca, milho, pecuária leiteira, criação de galinhas, caprinos, frutas e hortaliças, tudo em pequena escala para consumo próprio ou venda em feiras de Sinop.

Localizada á 70 km de Sinop, a Gleba vai passar por uma reestruturação para implementar e fortalecer a agricultura familiar através de investimentos, incentivos e suporte técnico.

“Estamos contratando um técnico agropecuário para residir no assentamento, ele vai acompanhar de perto as famílias, programar as atividades, capacitar e orientar”, explicou o secretário de Agricultura de Sinop, Clóvis Sanches.

Além do acompanhamento técnico, a Prefeitura de Sinop vai disponibilizar os trabalhos da Patrulha Mecanizada, com uma unidade para atender exclusivamente os produtores da Gleba. “Atualmente a produção de leite semanal não ultrapassa 3,5 mil litros. Com a Patrulha Mecanizada vamos formar a reserva de alimentos para o gado, por meio da silagem e, aumentar assim, a produção de leite. Temos a projeção de atingir os 10 mil litros semanais para vender ao Laticínio Selene”, complementou Sanches.

Outro projeto é o Banco de Calcário que já esta em fase de licitação. Serão adquiridas 100 toneladas de calcário para atender a demanda da Gleba Mercedes. De acordo com o secretário o custo para os produtores comprarem o calcário, de forma individual, fica muito elevado por causa do frete. “Com o Banco de Calcário o produto estará na Gleba e o produtor pode adquirir em pequenas quantidades”, destacou.

Entre os investimentos estão também a implantação de um viveiro de mudas, horta para fornecer alimentos para merenda escolar e desenvolvimento do termo de cooperação entre Prefeitura e Empaer para assistência social rural. O projeto vai orientar as donas de casa sobre fabricação de embutidos e compotas, higiene alimentar, entre outros cursos de capacitação.

Atualmente a Gleba possui 22% de floresta, 18% de juquira, 21% de pastagem e 39% de solo exposto. Neste total, 9% são Áreas de Preservação Permanente que foram degradadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas