Semsa anuncia investimentos de R$ 25 milhões para execução de 46 obras

MANAUS- A Prefeitura de Manaus prevê investimentos de R$ 25 milhões para a execução do Programa de Reestruturação da Rede Pública Municipal de Saúde para 2011. O valor será aplicado em 46 obras, com cronograma já em fase de execução, licitação ou empenho. A informação é do secretário municipal de Saúde, Francisco Deodato.

As construções incluem duas novas unidades do Programa Farmácia Gratuita, uma terceira base do Programa SOS Vida, na zona Centro-Sul da cidade, duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), um Centro de Especialidades Odontológicas, 20 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) – seis delas já com obras iniciadas –, além de 16 Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSFs). Dos recursos previstos, R$ 4 milhões são oriundos do Ministério da Saúde, como apoio para a construção das duas UPAs. O restante, são recursos próprios da Prefeitura de Manaus.

O Programa de Reestruturação da Rede Municipal de Saúde começou a ser executado pela Prefeitura em 2009, início da administração Amazonino Mendes. Somente neste mês de março, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) já entregou como parte do programa, depois de concluídas as obras de reforma, três Unidades Básicas de Saúde (UBSs): Theomário Pinto da Costa, no bairro da União; Áugias Gadelha, na Cidade Nova I e Petrópolis, no bairro de mesmo nome. Além disso, também foi inaugurada a segunda unidade do SOS Vida, funcionando na zona Centro-Oeste de Manaus, e ampliando em 40% a capacidade de atendimento do serviço de remoção, que atende pacientes de baixa renda, em tratamento de saúde prolongado.

“Agora, já chega a 33 o número de obras concluídas e entregues à população, na área da saúde”, afirmou Deodato. De acordo com o secretário, outras seis obras iniciadas no ano passado já estão concluídas. As unidades estão sendo reequipadas para serem reabertas em breve. “A Prefeitura se preparou para avançar significativamente, neste primeiro semestre, no processo de reestruturação da rede de atendimento na área de saúde. Em abril, estaremos reativando também as UBSs Theodomiro Garrido, no Monte das Oliveiras, e Leonor de Freitas, na Compensa I”, informou o secretário.

Também em abril começam a ser entregues as novas Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSFs), que irão substituir as antigas “Casinhas de Saúde” da Estratégia Saúde da Família (ESF). Atualmente, as “Casinhas” funcionam em espaços de 32m² e serão substituídas por unidades de 130m², passando a contar com infraestrutura mais completa, que permitirá a inclusão de novos serviços de saúde.

Em reforma

Este mês, seis Unidades Básicas de Saúde entraram em reforma com a finalidade de garantir um ambiente mais digno de atendimento aos usuários de seus serviços. O cronograma inclui a UBS Waldir Bugalho, no Jorge Teixeira IV; Frank Calderon, no Crespo (Aterro do 40); Luiza do Carmo, na Estrada do Ceasa (Vila da Felicidade); João Nogueira da Matta, no Zumbi; Guilherme Alexandre, na Colônia Antônio Aleixo; e Dom Milton, o Santo Agostinho, zona Oeste.

Francisco Deodato explicou que, enquanto durar o período de reforma, os profissionais destas seis unidades estarão reforçando o atendimento nas UBS que funcionam nas proximidades de cada uma delas, com a finalidade de garantir o atendimento da demanda. (VB)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas