Sejusp culpa Agesul por falta de água que já dura cinco meses em delegacia de Jardim.

Jacqueline Lopes e Diego Alves

A obra de reparação da parte hidráulica de todo o complexo de delegacias de Jardim, que há cinco meses enfrenta a falta de água na parte interna, depende da Agesul( Empresa de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul). A informação é da assessoria da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), órgão responsável pela infraestrutura das delegacias do Estado.

O motivo de demora seria o processo que está na Agesul e que depende de procedimentos burocráticos. Como o valor da obra é de R$ 15 mil haverá dispensa de licitação, mas prazos ainda não puderam ser divulgados.

Demora

O problema já dura cinco meses na cidade turística de Mato Grosso do Sul. O Midiamax noticiou nesta manhã a denúncia do Sindicato dos Policiais Civis de que há durante pelo menos 150 dias falta água na delegacia, onde trabalham quinze policiais, estão presos duas pessoas e ainda, durante 24 horas o local recebe as pessoas que precisam registrar boletins de ocorrência.

Conforme informações da Sanesul, em Jardim, a origem do problema é um vazamento na parte interna do prédio, embaixo das celas, sob meio metro de concreto. Somente uma obra na instalação hidráulica poria fim ao problema. A Sanesul informou que fez várias instalações na parte externa da delegacia para garantir que a água chegasse aos presos e
policiais.

Sinpol/MS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas