Rodoviária Nova: prefeitura adia licitação

O motivo: a gestão tucana mudou de ideia – de novo – sobre qual é a melhor forma de executar a obra; após dizer que iria apenas reformar as telhas, opção volta a ser trocar toda a estrutura

Rodoviária Nova: prefeitura adia licitação
Foto: Divulgação

O governo Ortiz Junior (PSDB) adiou, outra vez, o lançamento da licitação da reforma da Rodoviária Nova.

O motivo: a gestão tucana mudou de ideia – de novo – sobre qual é a melhor forma de executar a obra.

Em abril, por exemplo, em entrevista à Tv Câmara, o secretário de Serviços Públicos, Alexandre Magno, disse que a licitação seria lançada em maio e que a prefeitura havia decidido apenas recuperar as telhas, em vez de trocá-las.

Na ocasião, o assessor de Ortiz disse que a troca das telhas demoraria mais um ano e que apenas a remoção custaria R$ 1,8 milhão, o que seria inviável.

Agora, em entrevista à Tv Vanguarda, o secretário disse que o edital ficará para agosto e que a opção será por trocar todo o telhado, em vez de recuperá-lo.

“Mudamos de estratégia e vamos adotar agora a substituição plena do telhado, então não entra mais a licitação para recuperação. Acreditamos que até o começo de agosto vamos ter uma empresa licitada e ela começaria a obra por volta de setembro”, afirmou o secretário.

Questionado pela Gazeta de Taubaté, o governo tucano não explicou o motivo da mudança, e também não informou o prazo para execução do serviço e o custo previsto para o contrato.

IMPROVISO/ O terminal foi interditado no dia 3 de fevereiro de 2015, depois que parte do telhado caiu.

Em maio daquele ano, a interdição foi ampliada e terminal acabou ‘transferido’ para uma área vizinha. Em dezembro o espaço foi reaberto, após o telhado ser escorado com andaimes.

Desde o ano passado, a prefeitura chegou a fixar uma série de prazos para a abertura da licitação da reforma, mas não os cumpriu.

“Isso é uma forma de ‘empurrar com a barriga’, ludibriar o povo. Quando passar o prazo, talvez surja outra proposta. Infelizmente, depende da boa vontade deles”, criticou o vereador Noilton Ramos (PPS).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas