Resultado de licitação do Aquário do Pantanal deve sair até março

Deve sair entre o fim do mês de fevereiro e o início do mês de março o resultado da licitação para a construção do Centro de Pesquisa e Reabilitação da Ictio (Cepric) – Aquário do Pantanal. Na manhã de hoje foram abertas as duas propostas das empresas que concorrem. O primeiro envelope aberto foi do consórcio Azevedo Travassos e DM Construtora. De acordo com a proposta, o prazo de execução será de 900 dias e o valor apresentado é de R$ 87.680.018,79. Logo após foi aberto o envelope com a proposta da empresa Egelte Engenharia Ltda, que apresentou o valor de R$ 84.749.754,23, com o prazo de execução também de 900 dias. Levando em consideração que se trata de uma licitação na modalidade menor preço, é a Egelte quem sai com a vantagem na concorrência.

De acordo com o presidente da comissão de Licitação, Luis Escobar, as propostas serão analisadas. “O julgamento das propostas, a composição do BDI, entre outros quesitos, serão analisados. O resultado do julgamento das propostas e ainda é passível de recurso. A previsão é que o resultado do julgamento e de todas as fases da licitação seja concluído no final de fevereiro e início de março”, declarou Escobar. “O governo do Estado tem um grande interesse nesta obra”, finalizou.

O consórcio Azevedo Travassos e DM é formado por duas empresas, uma de São Paulo e outra, a DM Construtora, do Paraná. A Egelte é uma empresa de Mato Grosso do Sul.

Deve sair entre o fim do mês de fevereiro e o início do mês de março o resultado da licitação para a construção do Centro de Pesquisa e Reabilitação da Ictio (Cepric) – Aquário do Pantanal. Na manhã de hoje foram abertas as duas propostas das empresas que concorrem. O primeiro envelope aberto foi do consórcio Azevedo Travassos e DM Construtora. De acordo com a proposta, o prazo de execução será de 900 dias e o valor apresentado é de R$ 87.680.018,79. Logo após foi aberto o envelope com a proposta da empresa Egelte Engenharia Ltda, que apresentou o valor de R$ 84.749.754,23, com o prazo de execução também de 900 dias. Levando em consideração que se trata de uma licitação na modalidade menor preço, é a Egelte quem sai com a vantagem na concorrência.

De acordo com o presidente da comissão de Licitação, Luis Escobar, as propostas serão analisadas. “O julgamento das propostas, a composição do BDI, entre outros quesitos, serão analisados. O resultado do julgamento das propostas e ainda é passível de recurso. A previsão é que o resultado do julgamento e de todas as fases da licitação seja concluído no final de fevereiro e início de março”, declarou Escobar. “O governo do Estado tem um grande interesse nesta obra”, finalizou.

O consórcio Azevedo Travassos e DM é formado por duas empresas, uma de São Paulo e outra, a DM Construtora, do Paraná. A Egelte é uma empresa de Mato Grosso do Sul.

Aquário

A previsão é de que o Aquário entre em operação em 2012. Dispõe de 21 tanques, sendo 16 com espécies do Pantanal e 5 com as espécies da biodiversidade do Brasil.

Um dos destaques do Aquário será o auditório, que terá no fundo um aquário com 105m3. Além do auditório, o Aquário terá um tanque, de 20m3, disposto no hall de entrada, com espécies ornamentais.

De acordo com a vice-governador Simone Tebet, o Aquário do Pantanal projetará Mato Grosso do Sul para o mundo. “Mato Grosso do Sul terá uma projeção internacional com a construção do Aquário do Pantanal”.

Conforme o arquiteto responsável pela megaestrutura, Ruy Othake, a pessoa “mais apressada” levará 40 minutos para visitar todas as dependências do aquário. “Se o visitante for sem pressa, é capaz que consiga ver tudo em três horas”, estimou.

Aquário do Pantanal tem os seguintes conceitos: retratar de forma sintética e objetiva toda biodiversidade dos Ambientes Aquáticos do Pantanal; retratar tipos de ambientes ou espécies de grande interesse; possibilitar grande destaque para Educação Ambiental; proporcionar a exposição da Biodiversidade do Pantanal e outros Ambientes Aquáticos do Brasil; promover a interatividade como instrumento educativo e o enriquecimento ambiental através da cenografia.

A previsão é de que o Aquário entre em operação em 2012. Dispõe de 21 tanques, sendo 16 com espécies do Pantanal e 5 com as espécies da biodiversidade do Brasil.

Um dos destaques do Aquário será o auditório, que terá no fundo um aquário com 105m3. Além do auditório, o Aquário terá um tanque, de 20m3, disposto no hall de entrada, com espécies ornamentais.

De acordo com a vice-governador Simone Tebet, o Aquário do Pantanal projetará Mato Grosso do Sul para o mundo. “Mato Grosso do Sul terá uma projeção internacional com a construção do Aquário do Pantanal”.

Conforme o arquiteto responsável pela megaestrutura, Ruy Othake, a pessoa “mais apressada” levará 40 minutos para visitar todas as dependências do aquário. “Se o visitante for sem pressa, é capaz que consiga ver tudo em três horas”, estimou.

Aquário do Pantanal tem os seguintes conceitos: retratar de forma sintética e objetiva toda biodiversidade dos Ambientes Aquáticos do Pantanal; retratar tipos de ambientes ou espécies de grande interesse; possibilitar grande destaque para Educação Ambiental; proporcionar a exposição da Biodiversidade do Pantanal e outros Ambientes Aquáticos do Brasil; promover a interatividade como instrumento educativo e o enriquecimento ambiental através da cenografia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas