Reforma de antiga gráfica vai custar R$ 569 mil em Taubaté

Imóvel, que vai receber Centro de Formação de Professores e está sem uso desde dezembro de 2013, custou R$ 2,6 milhões; licitação foi aberta esse mês pela prefeitura

Reforma de antiga gráfica vai custar R$ 569 mil em Taubaté
Foto: Arquivo/Rogério Marques

Com 28 meses de atraso, o governo Ortiz Junior (PSDB) lançou licitação para contratar uma empresa para executar adaptações e reformas do prédio que receberá o Centro de Formação de Professores.

O centro vai funcionar no prédio de uma antiga gráfica, adquirido em dezembro de 2013 por R$ 2,6 milhões, e que permanece sem uso.

A compra, feita com verba do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação), ocorreu de forma ‘relâmpago’, em poucos dias, o que não é usual em negociações do poder público.

Eventuais falhas na aplicação de verbas do Fundeb são investigadas pelo Ministério Público Federal.

O governo tucano chegou a alegar que a queda na arrecadação havia provocado o atraso na implantação do centro de professores, mas a adaptação não terá custo elevado: serão necessários apenas R$ 569 mil.

A licitação, na modalidade tomada de preços, deverá ser finalizada no próximo dia 27.

A obra tem prazo de execução de 90 dias.

FALHA/ Em novembro passado, o TCE (Tribunal de Contas do Estado) decidiu que o governo tucano terá que compensar, em exercícios futuros, a verba do Fundeb gasta na compra do imóvel da antiga gráfica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas