Projeto da Nova Fase trava na Assembleia.

Mais uma vez, o projeto que prevê a descentralização da Fundação de Atendimento Socieducativo (Fase) atravessou uma sessão da Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa sem ser votado. Ontem, foi por falta de quórum. Na semana passada, o empecilho foi um pedido de vistas do deputado Ciro Simoni (PDT).

O projeto prevê uma licitação para repassar a área de 73,5 hectares da Fase na Avenida Padre Cacique, em Porto Alegre, à iniciativa privada. Com o adiamento de ontem, fica para a semana que vem a próxima oportunidade de votação.

A proposta prevê que o imóvel seria permutado com uma empresa que ficaria responsável por construir e entregar as nove unidades descentralizadas para onde serão transferidos os infratores que estão na Capital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas