Prefeitura licita obras com custo de R$ 28 milhões

A segunda fase de obras do Programa Ambiental e de Integração Social “Sorocaba Total” foi lançada, por meio de abertura de licitação para o terceiro lote, com valor estimado em R$ 28 milhões. As obras realizadas farão parte do Complexo Viário André Franco Montoro, com intervenções de duplicação e revitalização de vias, tendo como previsão de conclusão em um ano após a emissão da ordem de serviço. O edital de Concorrência Pública Internacional foi publicado ontem e o recebimento de documentos para habilitação, bem como de propostas financeiras por parte das empresas interessadas, será no dia 4 de março, às 10h.

O início dessa segunda fase terá a duplicação e revitalização da Rua Luiz Mendes de Almeida, no trecho entre o km 104 da Rodovia Raposo Tavares e a Avenida Getúlio Vargas, além da implantação de uma nova via marginal do córrego Itanguá, no trecho entre a rua Luiz Mendes de Almeida e a avenida Santa Cruz. A primeira etapa do Sorocaba Total foi lançada em dezembro de 2009, contemplando as regiões norte e oeste da cidade, com integração e pavimentação das vias existentes naquelas regiões, além do paisagismo, estruturas de lazer e ciclovias.

O investimento total do programa é de cerca de 90 milhões de dólares, algo em torno de R$ 150,3 milhões, sendo 50% financiado pela Corporação Andina de Fomento (CAF) em uma linha de crédito pelo prazo de dez anos. A Prefeitura ficou responsável pela contrapartida do restante a ser investido. As obras do Sorocaba Total começaram em 2009 e visam ampliar e aperfeiçoar o sistema urbano, viário e ambiental da cidade, por meio da implantação de 22 quilômetros de novas avenidas, mais 11 quilômetros de revitalizações viárias, além da implantação de sete parques e obras de drenagem urbana. O objetivo é desafogar o trânsito do centro da cidade, com a construção de rotas alternativas a partir da rodovia José Ermírio de Moraes (Castelinho).

Esse programa é a maior obra viária em andamento no interior de São Paulo, sendo que ao término do Sorocaba Total, a cidade contará com três novos complexos viários. O primeiro, o Complexo Ulysses Guimarães, terá início no trevo de acesso à Castelinho e seguirá pelas avenidas Fernando Stecca, Camilo Júlio, Tadao Yoshida, Ulysses Guimarães, uma ponte sobre o rio Sorocaba, Itavuvu, Edward Fru-Fru e Alameda do Horto, com término na avenida Ipanema (altura da rodovia Sorocaba-Porto Feliz).

O segundo, Complexo André Franco Montoro, começará no mesmo ponto de início do primeiro corredor, na avenida Independência, seguindo pela Fernando Stecca, Camilo Júlio, indo pelas ruas João Ribeiro de Barros, José Joaquim Lacerda, Hermelino Matarazzo, avenidas Brasil, General Osório, entra por uma nova marginal no córrego do Itanguá, cruza a avenida Santa Cruz, segue pela Luiz Mendes de Almeida até a rodovia Raposo Tavares. O terceiro corredor é o Complexo Mário Covas. Ele faz o entorno do Aeroporto, começando na avenida Ipanema, cruza a General Osório e segue até a General Carneiro. A previsão de conclusão de todas as obras do Sorocaba Total é o final de 2012.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas