Prefeitura inicia modernização de sistemas de informática

Simultaneamente, Cubatão começa a ganhar uma rede pública de Internet

Em 2011, vários programas de informatização pública e de inclusão digital estão sendo iniciados simultaneamente, visando mudar significativamente, em pouco tempo, a relação dos cubatenses com a informática. Enquanto toda a rede interna da Prefeitura passa por grande avanço em termos de estrutura, programas e equipamentos, a cidade recebe os investimentos federais do programa Cidade Digital, que permitirá oferecer acesso à Internet por radiofreqüência a toda a população. Assim que estiverem instaladas essas novas estruturas, inúmeros novos serviços poderão ser oferecidos à população, com as facilidades proporcionadas pelos novos recursos digitais.
Explica o diretor do Departamento de Informática e Telecomunicações da Prefeitura (Deit), Alexandre Santos Cova, que mesmo com uma demora causada pelas férias coletivas em várias empresas fornecedoras, nas últimas semanas, está mantida a previsão de até fins de março estar concluída a instalação do novo núcleo de informatização (servidores, switches e outros elementos de rede) e a colocação dos novos computadores portáteis e de mesa no prédio de Recursos Humanos, Centro de Processamento de Dados e Paço Municipal. Também começa a ser trocada toda a rede interna da Prefeitura com a instalação de equipamentos de rede fabricados pela Cisco.
Padrões – Serão instalados cerca de 700 equipamentos portáteis ou de mesa, com algumas configurações de acordo com as necessidades de cada setor, mas sempre dentro de uma padronização, com programas homologados pelo Deit, dentro do objetivo de estabelecer uma gestão profissional do setor. Em cada área, haverá equipamentos de configuração mínima (thin-clients, basicamente monitor e caixa de conexões), mas com portas USB para conexão de discos rígidos externos, pen-drives e outros aparelhos. Mas haverá também equipamentos dotados de disco rígido interno, leitores de CD/DVD, atendendo assim às demais necessidades específicas do serviço.
Esses equipamentos serão entregues com uma configuração padronizada, baseada no sistema operacional Windows 7 e no grupo de ferramentas Office 2010, para garantir a padronização e operação integrada dos diversos sistemas. A esse respeito, Alexandre explica que, ao contrário do que muitos pensam, nem sempre o uso de programas gratuitos representa economia, pois existem custos maiores de treinamento e a necessidade de manutenção específica, assistência técnica para a solução de problemas operacionais etc.
Qualquer nova instalação de programas será sempre feita pelos técnicos, para manter a padronização, facilitar a manutenção e permitir, por exemplo, o gerenciamento de licenças de uso.
Depois de feita toda a renovação dos equipamentos e sistemas, dentro dessa padronização, será possível desenvolver uma série de aplicações para melhoria da comunicação interna, usando recursos já existentes no sistema como o Outlook, agendas digitais, grupos de trabalho digital, etc., formando-se assim a Intranet da Prefeitura.
Após a implementação das mudanças no Paço e no prédio de Recursos Humanos/CPD, todas as demais unidades da Prefeitura serão contempladas com novos equipamentos, numa segunda etapa, pois o contrato firmado com a Goldnet prevê o atendimento equilibrado a todas as áreas. Como nos outros prédios não há um acesso direto á rede da Prefeitura, foi também providenciada uma ata de registro de preços para sistemas de radiocomunicação que interliguem todos os próprios municipais. O projeto da rede está sendo delineado, com previsão de que a instalação ocorra até o início do próximo semestre.
Gestão – Caminha paralelamente nesse sentido a instalação de um novo sistema de gestão pública, da empresa SmarAPD (contratada após licitação realizada em dezembro passado), que substittuirá o sistema atual implementado pela empresa Embras.
Igualmente, está entrando em fase de licitação a instalação de um sistema de geoprocessamento, que funciona como um banco de dados integrado a um mapa da cidade, com informações providas pelos diversos setores da Prefeitura, permitindo o cruzamento desses dados para a obtenção de novas informações. Por exemplo, a relação entre escolaridade e qualidade de saúde em cada núcleo do município, ou entre arborização e construção de passeios em cada rua.
Setores com demandas específicas, como Saúde, Educação e Assistência Social, estão sendo alvo de estudo para a contratação de sistemas de gestão adequados a essas necessidades, com o objetivo de melhorar o atendimento à população.
Segurança – Os trabalhos realizados neste ano são fruto de dois anos de planejamento detalhado, focado também na segurança das informações, seja quanto a acidentes (incêndios, danos aos equipamentos etc.), seja quanto à forma de acesso. Toda uma política de controle será implantada, quanto a cópia de segurança dos dados, acesso à Internet, senhas, formas de uso do sistema etc.
Após ser completado o programa, nenhum computador fora da nova padronização terá acesso à rede da Prefeitura. Os computadores usados até agora serão progressivamente recolhidos e avaliados quanto à obsolescência, para se verificar a possibilidade de reuso dentro da nova padronização, ou descarte.
Dentro do sistema da Prefeitura, todo funcionário terá um perfil padrão para o acesso, baseado em seu número de matrícula. No equipamento servidor haverá um diretório “H:/” exclusivo para cada perfil armazenado, ao qual só o funcionário com essa matrícula e respectiva senha terá acesso, e uma pasta “S:/”, para uso compartilhado por todo o seu departamento. Todos esses dados ficarão armazenados num servidor seguro e “espelhado” – ou seja, o sistema copia esses dados em outra máquina, por segurança, que ficará em outro endereço dentro do município. Assim, mesmo que um incêndio destrua todo o centro de informática, o sistema continuará em condições de operar a partir dessa base remota. Já os arquivos pessoais gerenciados pelos funcionários, que não requeiram esse espelhamento de dados, ficarão nos computadores com discos rígidos mantidos em cada departamento.
Aumenta assim a segurança dos arquivos, protegidos também por programas antivírus de padrão corporativo (para cada equipamento e para toda a rede), além do que deixa de existir o risco de perda de informações caso seja danificado o computador que as armazena. Ao mesmo tempo, garante maior segurança no acesso, em comparação à forma atual, pois as informações ficarão concentradas em ambiente seguro, com uma política de senhas, em vez de permanecerem distribuídas por equipamentos espalhados por toda a cidade.
O contrato com a empresa Goldnet prevê, além da locação dos equipamentos, também uma série de serviços especializados, entre eles configuração, instalação e manutenção. O Departamento de Informática se encarregará de fornecer senhas com níveis de acesso apropriados aos técnicos das empresas contratadas, explicou Alexandre.
Cidade Digital – A Prefeitura obteve do governo federal R$ 1 milhão para instalar na cidade três torres de distribuição de sinal de Internet que permitam o acesso gratuito pela população, em velocidade básica (128 kbps).
O convênio já foi assinado com o governo federal e está sendo preparada a licitação correspondente, englobando o acesso à Internet, a instalação de Centros de Inclusão Digital e até mesmo a colocação de “lousas digitais” nas escolas.
Na primeira etapa, será possível atender a 60% da população, em termos de área de cobertura, prevendo-se em seguida a injeção de novos recursos financeiros para a complementação desse projeto.

Texto: Carlos Pimentel Mendes – MTb. 12.283-SP
Fotos: Serafim Neto/Secom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas