Prefeitura encaminha ao TCE respostas sobre licitação do metrô

A Prefeitura de Curitiba encaminhou na tarde de segunda-feira (22) as respostas aos questionamentos feitos pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PR) sobre o processo de licitação do metrô de Curitiba. O envio do documento atende à determinação do tribunal, que no dia 22 de agosto, em decisão cautelar emitida pelo conselheiro Ivan Bonilha, suspendeu a entrega das propostas para a implantação e operação do metrô, inicialmente marcada para o dia 25 de agosto, na BM&F/Bovespa, em São Paulo.
O TCE pediu esclarecimentos sobre três pontos do edital de licitação: o objeto da Parceria Público-Privada (PPP), licenciamento ambiental do empreendimento e a ausência de uma pesquisa de origem-destino.
A partir da expedição da cautelar, foi dado prazo regimental de 15 dias para a apresentação do contraditório. O prazo inicial previa a entrega para a última sexta-feira (12), mas o Município solicitou uma prorrogação, para que pudesse fundamentar melhor as respostas.
A Prefeitura aguarda, agora, que o processo tenha uma decisão rápida. O projeto do metrô é uma Parceria Público Privada, que envolve aportes públicos de R$ 3,2 bilhões, de um investimento total de R$ 4,7 bilhões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas