Prefeitura abre concorrência de R$ 60 milhões para contratar empresas de software

A Prefeitura de Curitiba, por meio da Secretaria de Informação e Tecnologia (SIT), abriu uma concorrência pública para contratação de empresas de desenvolvimento de sistemas na modalidade conhecida como “Fábrica de Software”, no valor estimado de R$ 60 milhões. A concorrência faz parte do esforço da atual administração para recuperar a governança sobre a sua área tecnológica, promovendo a melhoria da gestão pública e a ampliação de serviços eletrônicos.

Parte dos recursos tem origem no Programa de Modernização da Administração Tributária e da Gestão dos Setores Sociais Básicos (PMAT), do BNDES. A Prefeitura assinou o contrato com o BNDES em setembro do ano passado, para uma linha de financiamento de R$ 76 milhões. Com a contrapartida de 10% do município, o total de recursos chegará a R$ 84 milhões, que serão destinados para a contratação de serviços e equipamentos em três áreas-chave: infraestrutura digital, georreferenciamento territorial e geoprocessamento e modernização da administração municipal, especialmente na área tributária.

A concorrência em curso é na modalidade pregão eletrônico. Os interessados deverão apresentar as propostas na próxima quarta-feira (16).

O superintendente da SIT, Luiz Oliveira, informa que os contratos terão vigência de quatro anos e compreendem o fornecimento de volumes bastante significativos de serviços e desenvolvimento de software. Conforme explicou, os contratos totalizam 74 mil “pontos de função” (métrica usada na medição do tamanho de um software).

O pregão está dividido em dois lotes. O primeiro é o mais significativo, totalizando 54 mil pontos de função, e estabelece o desenvolvimento de sistemas de grande porte, de âmbito corporativo. O segundo, de 20 mil pontos, está voltado a sistemas departamentais da Prefeitura, baseado em metodologias ágeis de desenvolvimento de software.

Segundo Oliveira, novos editais de licitação de serviços de tecnologia da informação e comunicação estão sendo preparados pela SIT. Em breve, haverá editais para contratação de infraestrutura de datacenter, para solução e serviços de geoprocessamento, além de uma plataforma e serviços de automação dos processos da Prefeitura. “Estes investimentos fazem parte do processo de modernização da Administração Pública, com o objetivo de oferecer novos e melhores serviços à população através do uso intensivo de tecnologia da informação”, destacou Oliveira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas