Porto é contemplado com R$ 145 milhões no PAC II.

Em reunião na tarde da última quinta-feira, em Brasília, o superintendente, Jayme Ramis, e o diretor administrativo e financeiro do Porto do Rio Grande, Jesus Carrasco, receberam a informação de que o porto gaúcho foi contemplado no Programa de Aceleração do Crescimento II (PAC II) com duas grandes obras e outros projetos. A notícia foi dada pelo ministro da Secretaria Especial de Portos (SEP), Pedro Brito, durante encontro com os principais portos brasileiros.
Entre os projetos no porto rio-grandino que receberão investimentos está o aprofundamento do Porto Novo (canal e bacia de evolução) e do acesso ao Canal do Norte (canal de acesso a margem Leste do Porto do Rio Grande – área de expansão) de 10 para 14 metros. A obra, que deve iniciar em julho de 2011, levará um ano para ser concluída, e demandará investimento de R$ 110 milhões. A estimativa é dragar 10 milhões de metros cúbicos de sedimentos numa extensão de aproximadamente 7,5 Km. Após a obra concluída, o governo do Estado ficará responsável pelas dragagens de manutenção, já contando com contrato vigente para realizar esse tipo de obra nos próximos cinco anos.
A outra obra diz respeito à terceira etapa de modernização do cais do Porto Novo. A primeira etapa, de 450 metros, foi executada pelo governo do Estado. A segunda, que contempla 1.125 metros de cais está em processo de licitação pela SEP, com previsão de início para este ano. Agora está em pauta a terceira e última etapa correspondente à modernização dos 300 metros restantes do cais do Porto Novo, localizados na ponta Sul. A obra terá investimentos de 35 milhões, com previsão de início em junho de 2011 e conclusão em dezembro de 2012. Com isso, o Porto Novo terá uma extensão de 1.875 metros de cais modernizado, podendo receber navios de maior porte e novos equipamentos, além de ficar estruturalmente preparado para receber o aprofundamento para 14 metros.
De acordo com Ramis, o porto rio-grandino foi contemplado por ter sido eleito pelo governo Federal um dos cinco portos nacionais estratégicos para o comércio exterior, que leva em consideração a frequência de escalas de navios de grande porte e com rotas de longo curso e de cabotagem, responsáveis por parcelas significativas do comércio exterior brasileiro. “Além disso, o Porto do Rio Grande tem levado projetos prontos para SEP o que facilita a sua contemplação”, salientou o superintende do porto gaúcho.
Rio Grande ainda foi escolhido entre os principais portos brasileiros para receber parte dos R$ 501,3 milhões projetados no PAC II na área de “Inteligência Logística”, que é um conjunto de sistemas que visa otimizar e desburocratizar as operações portuárias. Entre os projetos listados nessa área, que serão desenvolvidos a partir de janeiro de 2011, estão: Porto Sem Papel – Concentrador de Dados, Carga Inteligente e Cadeia Logística Inteligente, VTMS (Sistema de Gestão de Tráfego de Navios), e Sistemas de Apoio ao Gerenciamento da Infraestrutura Portuária, além do Gerenciamento de Resíduos Sólidos e Efluentes Líquidos em Portos Marítimos.

Adiamento
A Secretaria Especial de Portos informou ontem, 30, que por questões de ordem técnica relacionadas ao Edital de nº 02/2010, adiou novamente o recebimento de propostas para contratação de empresa de engenharia especializada para execução das obras e serviços da segunda etapa de modernização do cais do Porto Novo do Rio Grande. Agora será no dia 11 de maio, às 10h, na Secretaria Especial de Portos, SCN, Quadra 04, Bloco B, Centro Empresarial Varig, Pétala “C”, 1º andar, Brasília – DF.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas