Plano de internet gratuita deve ficar para o 2º semestre

Prefeitura aguarda regulamentação da Anatel para poder licitar e disponibilizar serviço

Danielle Gaioto
Agência BOM DIA

Previsto para entrar em funcionamento ainda no ano passado, o plano de internet gratuita da Prefeitura de Marília deve ser colocado em ação apenas no segundo semestre deste ano.

O atraso acontece porque a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) está regulamentando o uso da internet via rádio para os sistemas públicos, estabelecendo uma determinada faixa de frequência para o uso exclusivo destes órgãos.

“Assim que houver um posicionamento, avançaremos na questão da licitação e, com a confirmação do processo, em seis meses já deveremos ter o serviço disponível à população”, explica o coordenador do CPD (Centro de Processamento de Dados), Willian Marcheti.

O projeto terá distribuição gratuita de sinal e, para isso, qualquer interessado poderá preencher um cadastro e fazer uma requisição de sinal. A previsão é de que a velocidade chegue a 128 Kbps, o que é suficiente para ler e-mails e navegar na internet.

“O que queremos é fazer a inclusão digital da população. Por isso também o acesso será feito através da residência, já que não teremos acesso via wireless (sem fio)”, conclui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas