Obra de recapeamento tem início e causa transtornos.

Os motoristas que trafegam pelo trecho compreendido entre o entrocamento das BR-101 e 406 e a ponte de Igapó, terão de ter mais cuidado ao dirigir por conta do início, na manhã de ontem, das obras de recapeamento asfáltico da rodovia.

A execução das obras começou pelas faixas do canteiro central, nos dois sentidos da pista, conforme informou o superintendente regional do Departamento Nacional de infraestrutura de Transportes (Dnit), Fernando Rocha.

Segundo Rocha, o recapeamento desse trecho de 15 quilômetros deve demorar uns 20 dias – “precisa de mais tempo para ficar pronto” -, devido à necessidade do emprego de veículos pesados, como máquinas compactadoras do revestimento de concreto betuminoso usinado a quente e com espessura de 30 milímetros.

Rocha explicou que no recapeamento já finalizado do trecho da BR-101 entre o trevo que dá acesso à praia de Muriu e o entroncamento da BR-426, foi usado outro tipo de material (micro-revestimento de polímeros) para recapeamento da pista, com espessura de apenas 15 milímetros, que permite a abertura ao tráfego quase que de imediato.

Ele ainda disse que o recapeamento da BR-101 faz parte do Programa de Conservação, Restauração e Manutenção de Rodovias (Crema), que vai cobrir 1.263,13 quilômetros de rodovias federais no Rio Grande do Norte.

Rocha também informou que até o fim do ano a construtora Maia Melo deve entregar o projeto básico de restauração da ponte Presidente Costa e Silva, como é denominada oficialmente a ponte de Igapó. “A licitação para a execução dos serviços vai sair no próximo ano”, disse ele.

O superintendente do Dnit afirmou que “na virada do ano” acompanhou o então diretor do Departamento de infraestrutura do órgão, Eduardo Gadelha, numa vistoria à ponte de Igapó, a qual, nas condições atuais, ainda tem uma vida útil de pelo menos dez anos.

Enquanto o trecho entre o trevo da BR-406 e a ponte de Igapó estiver em obras, o trânsito fluirá em meia pista no horário das 8h30 às 18 horas, adotando-se o procedimento “Pare/Siga”.

Pelo trecho passam em média mil veículos por dia, informa o Dnit, que vai executar o recapeamento da BR-101 até o município de Touros. De um total de 100 quilômetros, foram recuperados até agora 32,5 km, da rodovia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas