Licitação para pavimentação da MT-130 em Paranatinga terá continuidade

Em reunião nesta quarta-feira (23.08), no Palácio Paiaguás, em Cuiabá, que contou com a participação de mais de 60 pessoas, entre lideranças do setor produtivo, deputados, prefeitos, comerciantes e vereadores, o governador Pedro Taques anunciou que a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) vai dar continuidade às obras e licitações para melhoria das condições da rodovia MT-130, um sonho antigo da população de Paranatinga.
O Governo do Estado atua na melhoria da infraestrutura da região desde o início da gestãoa. A Sinfra pavimenta a MT-020 até o Vale do Araguaia, e já finalizou a revitalização de todo o trecho da MT-130 entre Primavera do Leste e Paranatinga. A estrada já foi considerada uma das priores rodovias pavimentadas de Mato Grosso, os usuários demoravam mais de seis horas para percorrer o trajeto de 143 km.
“Nós assumimos um compromisso de pavimentar e melhorar a MT-130. De Primavera a Paranatinga, já cumprimos parte do que dizemos. Está um tapete. Quem passa por lá, pode conferir isso”, declarou o governador, em entrevista aos jornalistas. Esta é mais uma obra do programa Pró-Estradas, que já concluiu em dois anos e meio mais de 1.800 km de asfalto, considerando as obras de pavimentação e de reconstrução do antigo pavimento.
Em seu discurso, Taques confirmou, ainda, que o trecho recuperado será inaugurado em setembro. No mesmo dia, será lançado novo edital de licitação para a pavimentação de 45 km entre Paranatinga e a comunidade de 7 Placas. O anúncio foi comemorado pelas pessoas que participaram do encontro.
“A gente tem agradecido a seriedade do trabalho do Governo do Estado em nossa região. Já recuperou o trecho da MT-130 até Primavera do Leste. O Estado está beneficiando também o Vale do Araguaia com a pavimentação da MT-020. E hoje fez o compromisso de fazer a licitação para a ligação asfáltica até Sete Placas”, afirmou o prefeito de Paranatinga, Josimar Marques Barbosa.
As obras vão impactar diretamente no escoamento da produção agrícola da região. Somente Paranatinga produz quase 300 mil hectares de soja, e tem capacidade para aumentar sua produção em áreas de pasto degradado. O secretário adjunto em exercício de Obras da Sinfra, Diogo Menezes, explicou que o projeto de pavimentação foi atualizado.
“Diante da grande produção da região, a rodovia será asfaltada utilizando o CBUQ, que é uma melhor solução de engenharia do que a antiga proposta em 2008. Vamos fazer um asfalto de qualidade, assegurando o escoamento da produção”, afirmou.
O presidente do Sindicato Rural de Paranatinga, Thomas Paschoal, destacou que a reunião foi importante para esclarecer a real situação e os desafios jurídicos que já estão solucionados pela Sinfra e pela Procuraria Geral do Estado (PGE). “Conseguimos entender melhor o que está se passando. Precisamos licitar esta obra ainda este ano, como ficou assegurado pelo governador. Tiramos as nossas dúvidas. Saímos desta reunião agradecidos e confiantes”, disse. A PGE se posicionou favorável a realização de nova licitação e cancelamento da antiga de 2008.
O Estado também trabalha em parceria com Associação de Produtores na confecção de um projeto para pavimentação no trecho entre Sete Placas e o distrito de Santiago do Norte, ligando por asfalto até a BR-242, dando acesso a região de Sorriso. Diversos deputados participaram da reunião representando a Assembleia Legislativa, entre eles Gilmar Fabris, Ondanir Bortolini (Nininho), Zé Domingos, Dr Leonardo e Vagner Ramos, além de vereadores, prefeitos e líderes do agronegócio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas