Licitação para construção do Restaurante Popular ocorre em setembro

A Comissão Permanente de Licitação da Secretaria Municipal de Infraestrutura publicou no Porta-voz de quarta-feira (3) o edital resumido da Tomada de Preços para a contratação de empresas de engenharia para a construção do Restaurante Popular e reforma do Banco de Alimentos com a instalação da cozinha social. O investimento total ultrapassa R$ 1,4 milhão.
As obras fazem parte da implantação da Rede Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Social (Seds). “Temos até agosto de 2015 para que toda essa rede esteja em pleno funcionamento e toda a equipe da prefeitura está empenhada”, observou a secretária da Seds, Ângela Dib.
A Cozinha Social será construída no prédio onde funciona o Banco de Alimentos, no bairro Boa Vista. O valor estimado da obra de adequação da estrutura é de R$ 738.235,68. As empresas interessadas em participar da licitação podem enviar os documentos de habilitação e proposta de preços até as 9h do dia 22 de setembro. A abertura dos envelopes será no mesmo dia, às 9h05.
E no dia 23 de setembro, às 9h05, haverá abertura dos envelopes das empresas que enviaram suas propostas para o edital de construção do Restaurante Popular. A obra, que será na avenida Nelson Freire, no bairro Leblon, está estimada em R$ 719.104,43. 
Para outras informações adicionais, as empresas interessadas devem procurar o Departamento de Licitação da Secretaria Municipal de Infraestrutura, no Centro Administrativo, ou pelos telefones (34) 3318- 0588 ou 3318- 0395.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas