Governo pode investir R$ 765 milhões em estradas no interior do Espírito Santo

Criar infraestrutura para o desenvolvimento do interior do Estado é uma das prioridades do governo do Estado que, por meio do Departamento de Estradas e Rodagem (DER/ES), tem projetos de R$ 765 milhões para serem investidos em estradas fora da região da Grande Vitória e dos centros dos municípios. Os recursos serão destinados para a construção e/ou reabilitação de um total de 521 quilômetros de rodovias.Governo pode investir R$ 765 milhões em estradas no interior do Espírito Santo

A informação foi repassada com exclusividade pelo diretor geral do DER, Enio Bergoli, para a reportagem da Associação dos Diários do Interior (ADI/ES). Segundo ele, deste total, R$ 293,4 milhões são obras contratadas e representam ações em 192 quilômetros de estrada que devem estar concluídos até o final de 2017.

Bergoli informou que 85% dos recursos destinados para as obras foram captados no Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) e no Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O restante é contrapartida do Estado.

“Nestes 329 quilometros que representam um investimento de R$ 472 milhões existem três situações. Um primeiro grupo de obras que estavam paralisadas e que já tinham um grau de execução, que em alguns casos representam até 50% das obras realizadas, e que vão ser concluídas de forma rápida podendo terminar dentro do governo Paulo Hartung. Outro grupo são obras que já foram licitadas, mas que ainda não tem Ordem de Serviço assinada para serem iniciadas porque podem estar dependendo ainda de alguma negociação com o banco. Estas obras vão começar do zero e podem ser inauguradas até o final de 2018. O terceiro grupo são obras cujos projetos estão prontos e priorizados e serão colocados em licitação para que ele vire obra. Neste caso ainda existe o prazo decorrente entre a licitação até a Ordem de Serviço que dá inicio a obra. Este grupo vai demorar um pouco mais”, informou Bergoli.

Ele disse que o conjunto das obras em andamento, licitadas, projetadas e aprovadas mesmo que não sejam concluídas no atual governo vão contar com recursos definidos e captados nos bancos para garantir sua realização.

Entre as obras em andamento citadas por Bergoli está a pavimentação da ES 209, entre Montanha e o distrito de Cristal, em Pedro Canário. A obra de 33,23 quilometros representa um investimento de R$ 33,5 milhões e é a conclusão da ligação direta entre os dois municípios facilitando o acesso para a BR 101. A obra está 99% pronta e deve ser entregue a população até outubro. Apenas uma ponte que conclui a obra ainda não ficará pronta nesta fase. Bergoli explicou que se trata de uma intervenção que vai demandar um equacionamento do orçamento, mas que é prioridade do governo.

Já licitada está o asfaltamento da rodovia que liga Conceição da Barra a Itaúnas. São 20 quilometros de estrada que representam um investimento de R$ 55,8 milhões. A obra foi licitada, é prioridade do governo e depende de ajustes finais no projeto para que seja dada a Ordem de Serviço, previsto para acontecer ainda este ano.

Em Jaguaré, os 09 quilometros entre a sede do município e o distrito de Água Limpa, um investimento de R$ 25 milhões, inclusive com faixa multiuso, estão previstos para serem concluídos no primeiro semestre de 2017. A via facilitará o escoamento de produtos como café e pimenta, além de se tornar uma via mais segura.

Em Ecoporanga, no Noroeste do Estado, o DER/ES realiza as obras de reabilitação da ES 320, até o distrito de Três Vendas, em Barra de São Francisco. As obras que incluirão o Contorno de Vila Paulista, é um investimento de R$ 57,5 em 54 quilometros de estrada. Quase 90% das obras estão concluídos e a estrada deve ser entregue até o final deste ano.

O governo planeja retomar as obras entre a sede de Nova Venécia ao distrito de Patrimônio da Penha. São 11,34 quilometros de estrada e um investimento de R$ 12 milhões. Bergoli informou que 50% da estrada já estava realizada, mas a obra foi paralisada e será retomada nas próximas semanas.

Na Região Centro-Oeste estão praticamente concluídas as obras de reabilitação da ES 344, entre São Gabriel da Palha e Vila Valério. São 26 quilômetros, que representam um investimento de cerca de R$ 32,5 milhões.

No litoral Norte estão em fase de conclusão a ES 257 e ES 010 em Aracruz. Os dois trechos que somam 34 quilometros e um investimento de R$ 50 milhões estão sendo reabilitados. O primeiro se estende da BR 101 à Aracruz e segundo é o trecho entre a sede de Aracruz e fábrica de celulose. A inauguração da obra está prevista para até o final deste ano.

Entre Nova Almeida e Barra do Riacho, o governo planeja fazer a reabilitação da estrada que tem 25,2 quilometros. A obra é prioridade e será licitada. O DER-ES também trabalha para retomar as obras de reabilitação entre São Mateus e Guriri.

Toda a Região Sul vai ser beneficiada com a duplicação da ES 482, entre Cachoeiro de Itapemirim e o distrito de Coutinho. A obra de 11 quilometros, no valor de R$ 47 milhões, foi reiniciada em abril deste ano e será totalmente humanizada com passarela e ciclofaixas.

O DER/ES planeja licitar a reabilitação da rodovia que liga a BR 101, na altura da balança localizada antes da divisa com o Rio de Janeiro, e Bom Jesus de Itabapoana. São 45 quilometros de estrada e um investimento da ordem de R$ 15 milhões.

No litoral Sul está previsto a reabilitação entre Nova Guarapari e Anchieta. O trecho de 17,5 quilometros será concluído antes do verão e será um investimento de R$ 27,6 milhões. Bergoli informou que o trecho de 9,3 quilometros entre Anchieta e Piuma está sendo reabilitado e será concluído no primeiro semestre de 2017 sendo orçado em R$ 11,6 milhões.

“Apesar da crise o governo consegue investir em infraestrutura porque tem fontes de recursos externo à arrecadação”, disse Bergoli que ressaltou a importância das estradas como vetor de desenvolvimento econômico e social.

Governo pode investir R$ 765 milhões em estradas no interior do Espírito Santo
Oito novos pontos de radares serão instalados nas rodovias estaduais até outubro

O Departamento de Estradas do Espírito Santo (DER-ES) vai instalar oito novos pontos de radares nas rodovias estaduais até outubro. De acordo com o diretor geral do DER/ES, Enio Bergolli, o objetivo, dos novos equipamentos de fiscalização eletrônica é garantir mais segurança de quem transita pelas rodovias estaduais. Atualmente o Estado tem 84 pontos de radares nestas rodovias.

Para a instalação de todos eles, o DER-ES realizou estudos que consideraram, por exemplo, o número de acidentes e a proximidade com comunidades. Haverá toda uma sinalização indicando a existência dos equipamentos. O objetivo dos mesmos é coibir a imprudência de motoristas, garantindo a segurança de todos.

“O radar tem uma função educativa. A maioria dos motoristas reduz a velocidade e o respeita, o que gera também uma redução de acidentes”, explica Bergoli. Ele ressalta que, em média, de cada 10 mil veículos que passam por um equipamento, apenas cinco são multados.

No Km 116 da ES 165, em Afonso Cláudio, dois aparelhos estão em fase de implantação (01 para cada faixa), com velocidade permitida de 60 Km/h. Na ES 320, haverá equipamentos entre Barra de São Francisco e Ecoporanga, no Km 105,3 (01 aparelho para as duas faixas) e no Km 106,7 (01 aparelho para as duas faixas).

Na ES 490, será na Comunidade de Barbados (Itapemirim), no Km 13,2 (01 aparelho para as duas faixas). Já no Km 14,2 (01 aparelho para as duas faixas), haverá na Comunidade de Paineiras (Itapemirim). Na ES 060, no Km 89,6, entre Anchieta e Piúma (01 aparelho para as duas faixas).

No Contorno da ES 080, no Km 11,7 (02 equipamentos para três faixas). Sentidos: São Domingos e Colatina. Ainda no Contorno da ES 080, no Km 15 (02 aparelhos para as duas faixas). Sentidos: São Domingos e Colatina. É importante destacar que, em relação ao número de veículos passantes, a taxa de autuação dos equipamentos do DER-ES fica, em média, em torno de 0,08%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas