Governo de Pernambuco lança licitação para construção do Parque Urbano da Macaxeira

Espaço deve ocupar área de 10 hectares. Além de escola técnica, projeto prevê construção de biblioteca e posto de atendimento Expresso Cidadão
Gustavo Jazra
O Governador de Pernambuco, Eduardo Campos, e o Secretário das Cidades, Danilo Cabral, lançaram na última sexta-feira (11) o edital de licitação para construção do Parque Urbano da Macaxeira, em Recife. Na ocasião, foi assinada a ordem de serviço para a construção da Escola Técnica Estadual Vereador Miguel Batista, que é integrada ao parque.

Governo de Pernambuco lança licitação para construção do Parque Urbano da Macaxeira

O maior parque da capital do Estado, de acordo com a Secretaria das Cidades, será construído no terreno da antiga fábrica da Macaxeira, na Avenida Norte. Além de escola técnica, o projeto contempla a construção de um posto de atendimento do Expresso Cidadão, biblioteca multimídia, restaurante e circo arena, espaço destinado à apresentação de shows e demais atividades culturais.
Ainda segundo a secretaria, o empreendimento promete ser um dos maiores no setor de educação, cultura e lazer em âmbito regional. Com área total de 10 hectares, o Parque da Macaxeira vai superar em área o parque da Jaqueira e Treze de Maio.
A biblioteca, que será construída numa área de 2 mil m², deve ter sala para leitura de periódicos, videoteca, midiateca e internet e tem custo estimado em R$ 3,9 milhões. O Expresso Cidadão, por sua vez, terá 1,8 mil m² e abrigará postos da Compesa, Serasa, Procon, Defensoria Pública, Pafepe, Agência do Trabalho, Detran, Secretaria de Defesa Social e Secretaria da Fazenda. O prédio conta com investimento de R$ 2,5 milhões.
Outros 9 hectares do terreno receberão praças, decks, bicicletários, playgrounds e o circo arena. Três quadras poliesportivas, Academia das Cidades, pista de skate, pista de bicicross, ciclovia e pista de cooper também estão inclusas no projeto.
Ocupando espaço de 3,7 mil m², o projeto da escola técnica contempla 12 salas de aula, biblioteca, auditório e laboratórios de informática, línguas, química, física, biologia e matemática. Além disso, está prevista a construção de quadra para prática de esportes com arquibancada, refeitório, área de convivência e vestiários. A primeira obra a ser iniciada pelo governo tem orçamento previsto em R$ 7,6 milhões.
O projeto contou com investimento total de R$ 54,1 milhões, sendo R$ 20 milhões destinados à aquisição do terreno, outros R$ 20 milhões à implantação do parque e R$ 14,1 milhões à construção dos prédios da escola técnica, do Expresso Cidadão e da biblioteca.
Segundo Danilo Cabral, um dos pontos mais importantes do projeto é o resgate histórico do parque. “Durante o início do século XX, este espaço funcionou como um importante elo da indústria têxtil do Estado, empregando muitos trabalhadores. Agora, toda essa área será transformada em um imenso complexo onde os jovens irão aprender seus ofícios, poderão ter acesso a shows e palestras além de poder praticar esportes”, disse o secretário. Por se tratar de uma área de preservação de cobertura vegetal e de patrimônio cultural, o espaço terá alguns de seus elementos preservados.




Especialista ConLicitação

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas