Fracasso em licitação atrasa reformas do HPS da Capital pela terceira vez

Situação será discutida com secretário municipal nesta sexta-feira

As obras de reforma para modernização do Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre (HPS) foram adiadas novamente. Em pauta desde o ano passado, esta é a terceira vez que o processo de licitação para o contrato não dá certo.

Na primeira tentativa, não houve interessados, na segunda uma empresa se manifestou, mas não foi aceita, e, agora, a única empreiteira que compareceu à licitação não apresentou os documentos necessários.

A situação será discutida com o secretário municipal da saúde, Carlos Henrique Casartelli, nesta sexta-feira.

Primeira de uma série

Segundo a assessoria de comunicação do HPS, esta seria a primeira de uma série de obras visando a modernização do hospital. Num primeiro momento, seriam reformados os dois primeiros andares.

O primeiro passo foi a reforma do quadro de força. O próximo, será a aquisição de novos equipamentos, como o raio-x digital. Para as obras, alguns setores serão deslocados e o único a ser fechado é o banco de sangue, mas temporariamente.

As reformas serão realizadas com recursos provenientes do programa federal Qualisus e da prefeitura.
ZERO HORA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas