Estado fez 50 licitações sem dinheiro pós-eleição, diz governador eleito

Levantamento foi informado nesta terça-feira, em entrevista coletiva. Waldez Góes apresentou relatório final de transição de governo.

Abinoan Santiago
O governador eleito do Amapá Waldez Góes (PDT) disse que o Estado lançou 50 licitações em menos de dois meses, após as eleições de 2014. O levantamento foi informado nesta terça-feira (30), na apresentação do relatório final de transição de governo.
Entre as licitações lançadas, segundo Waldez, está a da construção do campus da Universidade do Estado do Amapá (Ueap), avaliada em R$ 46 milhões. “Não teve nenhum recurso empenhado [reserva do dinheiro] para essa obra”, afirmou o governador eleito.
O levantamento de licitações foi informado durante explanação do setor de infraestrutura, que abordou ainda obras paradas e depreciação do patrimônio público. Waldez Góes anunciou que entre as ações que serão traçadas está o estudo jurídico das licitações lançadas e avaliação da possibilidade de continuar com os contratos.
Além da infraestrutura, o governador eleito traçou um perfil das áreas econômicas, defesa social, saúde, educação gestão governamental e assistência social. Todos os setores tiveram planos de ações propostos.
“Não houve transição. O governo não nomeou os 50 servidores técnicos solicitados dos órgãos do estado. Tivemos que trabalhar apenas com os nove nomeados da equipe geral e outros funcionários por conta própria, de forma voluntária”, reclamou o coordenador geral da equipe de transição do governo Waldez, o vice governador Papaléo Paes.`

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas