Detentos da PCE são transferidos para unidades federais.

Os presos partiticiparam da rebelião do último dioa 14 de janeiro

Cinquenta presos da Penitenciária Central do Estado (PCE) foram transferidos para unidades federais. A confirmação foi dada ontem pelo Ministério da Justiça, depois de solicitação do governo paranaense. O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) acatou o pedido e as remoções foram autorizadas pela Justiça Federal para as unidades federais em Catanduvas, no Oeste do Paraná, e Porto Velho (RO). Os presos partiticiparam da rebelião do último dioa 14 de janeiro. Catanduvas recebeu 24 internos; a de Porto Velho, 26. As transferências aconteceram no fim de semana e mobilizaram aproximadamente 100 agentes penitenciários federais e policiais.

Em funcionamento desde 2006, a Penitenciária Federal de Catanduvas foi a primeira unidade de um projeto de cinco estabelecimentos penais federais de segurança máxima construídos pelo Ministério da Justiça. Além de Catanduvas (PR), Campo Grande (MS), Porto Velho (RO) e Mossoró (RN) também contam com presídios federais. Em breve, será erguida a quinta unidade penal federal em Brasília (DF), cuja licitação será aberta neste primeiro semestre.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas