Déda defende mais agilidade em licitações

Durante a solenidade de posse da nova Mesa Diretora do Tribunal de Justiça de Sergipe, na tarde de ontem, o governador Marcelo Déda (PT) falou sobre a paralisação de algumas obras no Estado e defendeu mais agilidade e modernização nos processos licitatórios. Petista entende que governantes não podem ficar nas mãos dos licitantes que querem fazer imposições pessoais nos contratos vigentes.
Ao comentar a paralisação de algumas obras, Marcelo Déda revelou que dispõe de um material sobre o governo de São Paulo que enfrenta problemas similares aos de Sergipe. “Muitas obras lá estão suspensas para a discussão de questões posteriores à licitação. Precisamos mo­dernizar e dar agilidade aos processos li­citatórios. É preciso que sejam criadas normas para que o Executivo possa licitar uma obra sem prejudicar a comunidade, o Estado e sem ficar nas mãos dos licitantes que querem impor suas condições particulares”, propôs.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas