Correios entregam reforma do estatuto nesta semana ao Ministério

BRASÍLIA – O novo presidente dos Correios, Wagner Pinheiro, afirmou hoje que entregará esta semana ao ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, a exposição de motivos sobre a revisão estatutária da companhia. “Enfim, [a revisão do estatuto] deixará a empresa com maior transparência perante a sociedade e ao governo”, disse o ministro ao sair de audiência com o ministro.

As mudanças no estatuto, já anunciadas na posse do presidente na segunda-feira (3), incluem a obrigação de a estatal apresentar balanços anualmente. O presidente da diretoria executiva deixa de ser presidente do Conselho de Administração. Também abre a possibilidade de a empresa criar subsidiárias – como havia sido anunciado pelas gestões anteriores na apresentação do novo plano de logística.

“A mudança deixará a empresa com a melhor governança e mais parecida com a Petrobras, o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal, principalmente”, disse o presidente da estatal.

Pinheiro, que ocupava a presidência do fundo de pensão dos funcionários das Petrobras (Petros), informou que não é discutida a abertura de capital e nem o uso de mecanismo de contratação de bens e serviço que não cumpram a Lei das Licitações (8.666/93). “Continua uma empresa pública 100% da União”, disse.

A prioridade da nova diretoria da estatal é resolver as pendências com a renovação das agências franqueadas e o concurso público para a contratação de novos servidores. Pinheiro disse ainda que as denúncias contra o novo diretor de Gestão de Pessoas, Larry Manoel de Almeida, já foram apuradas pelo Tribunal de Contas da União (TCU), o que não o impede de permanecer no cargo.

(Rafael Bitencourt | Valor)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas