Construtora que reformará Arena será definida em março

Cahuê Miranda

O Atlético deve lançar no início de março o edital de licitação para a escolha da construtora responsável pelas obras da Arena da Baixada para a Copa do Mundo de 2014.

A previsão foi confirmada pelo vereador Pedro Paulo, presidente da Comissão da Copa na Câmara Municipal de Curitiba, que se reuniu ontem com o secretário de Estado do Mundial, Mário Celso Cunha.

Segundo Pedro Paulo, o encontro serviu para obtenção de novas informações sobre o cronogramas de obras em Curitiba e Região Metropolitana. “Conseguimos boas informações, como do andamento do edital de licitação do Atlético Paranaense, que deverá ser publicado já no início do próximo mês, para habilitação das construtoras, visando a conclusão das obras da Arena”, revelou.

Durante o encontro, Mário Celso entregou à comissão relatórios sobre o andamento de obras no município e disse que técnicos da Comec e do Ippuc estão trabalhando junto à Caixa Econômica Federal para viabilizar os financiamentos. Pelo Estado, os valores chegam a R$ 229,5 milhões e pela Prefeitura, a R$ 211 milhões.

Entre as obras que fazem parte do projeto curitibano aprovado pela Fifa estão o Corredor Metropolitano, Corredor Aeroporto/Rodoferroviária, Corredor da Cândido de Abreu, Extensão da Linha Verde Sul (BRT), requalificação da Avenida Marechal Floriano Peixoto, reforma e ampliação do Terminal Santa Cândida e reforma da Rodoferroviária e seus acessos.

Visita

O ministro do Esporte, Orlando Silva, vem a Curitiba no dia 25 de fevereiro, para uma reunião com o governador Beto Richa e o prefeito Luciano Ducci. O encontro vai discutir o andamento das obras e projetos para a Copa e faz parte de uma série de visitas do ministro às 12 cidades-sedes do Mundial. A programação deverá contar também com uma visita à Arena da Baixada.

O giro de Orlando Silva pelas cidades-sedes da Copa começou com São Paulo e Cuiabá. No mês de fevereiro e início de março as reuniões irão acontecer em Salvador, Brasilia, Belo Horizonte, Recife, Natal, Fortaleza, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba e Manaus.

Segundo a assessoria do ministro, a presidente Dilma Rousseff pretende organizar, ainda no primeiro semestre, uma reunião com todos os prefeitos e governadores das cidades-sedes do Mundial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas