Codesp implantará gates nos acessos viários a Santos e Guarujá

Codesp implantará gates nos acessos viários a Santos e Guarujá
O Portolog está sendo implantado por etapas (Foto:Vanessa Rodrigues)

Em até 50 dias, a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), a Autoridade Portuária de Santos, planeja abrir uma licitação para a contratação do projeto-executivo de uma das etapas do programa Cadeia Logística Portuária Inteligente (Portolog), do Governo Federal, na região. Essa fase engloba a implantação de gates(portões) para o acesso automatizado de caminhões às duas margens do Porto de Santos.

O plano é semelhante ao que será implantado por uma empresa santista no Porto de Vitória, no Espírito Santo.

Os avanços do Portolog e as ações de preparação do cais santista para o aumento no movimento de caminhões, durante a próxima safra de grãos, serão debatidos a cada duas semanas no Comitê de Logística do Porto de Santos. As reuniões, que ocorrem na sede da Docas, têm a participação de operadores portuários e empresas do setor, além de associações empresariais e de trabalhadores e órgãos governamentais. O próximo encontro será no dia 22.
O Portolog permitirá o acompanhamento das cargas das zonas produtoras até os terminais marítimos. Ele está sendo implantado em etapas. Além de áreas públicas do Porto, terminais e pátios, o programa cobre os corredores rodoviários do País. Para tanto, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), a Agência Nacional de Transportes Aquáticos (Antaq) e a Empresa de Planejamento e Logística (EPL) participam da iniciativa.

De acordo com o diretor de Operações Logísticas da Codesp, Celino Fonseca, a ideia é que o sistema a ser implantado no Porto seja integrado ao programa de agendamento dos pátios reguladores e o das câmeras da Ecovias, a concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI). As imagens das câmeras de vigilância da Docas, espalhadas na área portuária, também farão parte do programa.

“Esse projeto-executivo que iremos contratar prevê a implantação de gates na entrada da Cidade e também do lado do Guarujá. A ideia é que, no futuro, o sistema seja semelhante aos que nós vimos nos Estados Unidos”, destacou.

Fonseca se refere ao programa de controle automatizado de acesso de caminhões do Porto de Nova Iorque e Nova Jersey, na costa leste dos Estados Unidos. O complexo portuário foi visitado por autoridades e executivos do cais santista na etapa internacional da 14ª edição do <FI5>Santos Export – Fórum Internacional para a Expansão do Porto de Santos, no final do mês passado. A viagem e o seminário são uma iniciativa do Grupo Tribuna.

Tentativas

Há dois anos, a Codesp tenta contratar uma empresa para fornecer e implantar as antenas de radiofrequência do projeto. Mas, nas quatro tentativas, a licitação precisou ser cancelada por questões administrativas.

O plano era que a firma escolhida tivesse de elaborar, em 36 meses, o projeto de funcionamento do sistema e os softwares necessários. As antenas terão sensores que vão ler as placas dos veículos de carga e as etiquetas eletrônicas (tags) a serem instaladas neles. Os dados registrados serão transmitidos para a Autoridade Portuária, que, dessa forma, acompanhará o deslocamento da mercadoria.

Em Vitória, a Ergos Group irá instalar um sistema de controle de acessos. Também cuidará da infraestrutura necessária para a implantação das tecnologias OCR (que fazem a leitura de caracteres nas placas dos veículos e nos contêineres) e a automação dos gates. A companhia, com sede em Santos, é a subsidiária brasileira da Certus Port Automation, responsável pela automatização de portos como o de Roterdã, na Holanda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas