CET-Rio lança pacote de obras para reduzir acidentes em cem vias.

Luiz Ernesto Magalhães

RIO – A Avenida das Américas, primeiro lugar no ranking de acidentes com mortos e feridos no Rio no ano passado, terá todos os retornos com sinais de trânsito no trecho entre a Barra da Tijuca e o Recreio dos Bandeirantes com maior número de colisões e atropelamentos. Na Zona Sul, a Avenida Epitácio Pessoa, na Lagoa, terá a faixa de retorno para a Fonte da Saudade, no sentido Leblon, prolongada em 50 metros. As mudanças fazem parte de uma série de intervenções que a CET-Rio fará até o fim do ano para tentar reduzir o número de mortos e feridos nas cem vias da cidade que registraram mais vítimas de acidentes em 2009.

O programa Área Urbana Para Redução de Acidentes (Aura) usou as informações de acidentes com vítimas registrados no Instituto de Segurança Público (ISP) para chegar aos trechos mais críticos. A meta é reduzir em 15% as ocorrências nessas vias até o fim de 2012. Para isso, serão investidos cerca de R$ 3 milhões este ano

Em muitos casos, as intervenções têm o objetivo de melhorar a segurança do tráfego enquanto outras obras não são feitas. É o caso do próprio trecho da Avenida das Américas campeão de acidentes. A área crítica fica entre o cruzamento da Avenida Salvador Allende e a ponte sobre o canal do Rio Morto (altura do Recreio Shopping). A duplicação desse trecho está prevista, mas o projeto se encontra em fase de licitação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas