Centro tecnológico vai treinar 12 mil pessoas por ano no Ceará.

Centro de Treinamento Técnico Corporativo do Ceará (CTTC) está com o edital de licitação pronto para ser enviado à Procuradoria Geral do Estado (PGE). Obras são previstas ainda para este ano

Andreh Jonathas
andreh@opovo.com.br

O Centro de Treinamento Técnico Corporativo do Ceará (CTTC) vai dar início à capacitação de pessoal para os projetos no Porto do Pecém a partir do final de 2010. A proposta é formar 12 mil pessoas por ano no equipamento estimado em R$ 27,2 milhões & R$ 14,7 milhões provenientes de emendas ao Orçamento da União e R$ 12,5 milhões do Tesouro Estadual.

A Secretaria da Infraestrutura (Seinfra) já preparou o edital de licitação, que deve ser enviado à apreciação da Procuradoria Geral do Estado (PGE), afirmou Hortência Sucupira, coordenadora de Educação Profissional da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Continuada (Secitece).

“Eu acredito que, em uma semana, esse edital deve ser lançado e as obras devem ter início ainda em novembro“, disse. Conforme Sucupira, o prazo final para a construção do CTTC é de 12 meses, mas antes disso, no final de 2010, alguns dos mais de 100 cursos já deverão ter início.

Portanto, somente em 2011, profissionais das áreas de construção civil, eletromecânica e petroquímica devem estar prontas para trabalhar em projetos como a Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), a Refinaria Premium II, em termelétricas e em empreendimentos de energias alternativas.

“São cursos de formação inicial continuada, cursos modulados de cerca de 60 horas. É uma formação básica“, inteirou a coordenadora. Em uma área total de 16 mil metros quadrados, o centro de treinamento vai ficar em uma área construída de 9,1 mil metros quadrados.

Para a Refinaria Premium II, da Petrobras, a expectativa é de gerar cerca de 90 mil empregos diretos, indiretos e por efeito renda, conforme informação da estatal de julho deste ano. No pico da obra, 14 mil pessoas estarão envolvidas na implantação. Nas obras civis, serão mobilizadas cerca de 7,5 mil pessoas. Do total, 54% são trabalhos na área de eletromecânica e 29% na construção civil. A Petrobras reavalia o projeto cearense, mas a primeira previsão era do início das obras em 2010.

Na primeira fase de construção da CSP serão 11.874 postos de trabalho, somados os empregos diretos, indiretos e induzidos. As obras de terraplanagem estão previstas para ter início ainda este ano.

Recurso assegurado
A quantia proveniente de emendas orçamentárias estão asseguradas, conforme afirmou ao O POVO o deputado federal, Ariosto Holanda (PSB), responsável por uma das emendas. A informação foi antecipada ontem na coluna Vertical S/A, do jornalista Jocélio Leal.

“Os recursos estão disponíveis para a licitação. Falta só a assinatura do convênio entre o Governo do Estado e o Ministério de Ciência e tecnologia (MCT)”, afirmou Holanda.

O parlamentar ressaltou a importância o Centro para o apoio tecnológico às empresas satélites que irão se instalar em torno dos grandes empreendimentos no Pecém.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas