Autorizada primeira fase de obras da Linha Verde Norte

Serão investidos R$ 52 milhões com recursos da Prefeitura e Agência Francesa de Fomento

Foi autorizada na manhã desta terça-feira (25) o início da primeira fase de obras da Linha Verde Norte. A Prefeitura está trabalhando para que a antiga BR 116 se torne uma avenida integrada à Região Metropolitana.

Nesta etapa da Linha Verde Norte serão investidos R$ 52 milhões, com recursos da Prefeitura e da Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD), em um trecho de 2,3 quilômetros que vai desde o Jardim Botânico até a Avenida Victor Ferreira do Amaral, passando por seis bairros onde vivem 160 mil habitantes.

As obras começaram com a construção de 1,3 quilômetro de via marginal paralela à rodovia, entre o viaduto da avenida Afonso Camargo e a passarela sobre a BR 116, perto da sede regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte Terrestre (Dnit).

As equipes contratadas pela Prefeitura também vão começar a trabalhar pelo canteiro central da pista, onde serão construídas as canaletas, para uma nova linha do Ligeirão.

Transformação – A Linha Verde Norte dá sequência à transformação do eixo da antiga BR 116 em via urbana, iniciada no Pinheirinho e que já beneficiou a 10 bairros ao longo de 9,4 quilômetros. Nesta etapa, as obras serão feitas na área de abrangência dos bairros Jardim Botânico, Jardim das Américas, Cajuru, Cristo Rei, Capão da Imbuia e Tarumã.

Estão programadas as obras de drenagem, canaletas para o ônibus, pistas marginais e locais (paralelas à canaleta), sinalização, iluminação, ciclovia e calçada, as trincheiras das ruas Roberto Cichon e Agamenon Magalhães e a Estação Jardim Botânico. Nos moldes do que foi feito na região Sul da cidade, a Linha Verde em seu eixo norte terá 12 pistas de rolamento, sendo duas para canaletas exclusivas para o transporte coletivo, seis para o sistema viário (três em cada sentido) e duas vias locais de passagem (uma em cada sentido), ciclovia, além de iluminação renovada, paisagismo e calçadas.

O viaduto da Avenida Afonso Camargo será duplicado e ganhará um mini-terminal de ônibus, interligando a linha Leste-Oeste com o novo trecho de ônibus entre o Atuba e o Pinheirinho. Sobre o viaduto haverá uma estação-tubo, que terá uma escada de acesso a uma estação tubo, que será construída na em baixo do viaduto, na avenida Afonso Camargo.

Maior avenida – A Linha Verde é a maior avenida em construção na cidade. Quando finalizada terá 22 quilômetros e vai unir Curitiba de Norte a Sul, além de possibilitar a integração futura da Rede Integrada de Transporte, com ônibus em canaletas exclusivas, até o município de Fazenda Rio Grande.

A construção da avenida foi dividida em duas etapas: a primeira, já concluída liga os bairros Pinheirinho e Jardim Botânico. A primeira etapa do eixo norte começa nesta terça, com 2,3 quilômetros de extensão, e segue futuramente com mais quatro lotes de obras até o Atuba.

Integração – Ao Sul, a extensão da Linha Verde segue até o Contorno Leste com dois lotes de obras: o primeiro deles, com licitação já autorizada pelo prefeito Luciano Ducci, está orçado em R$ 15 milhões e vai da rua Sander Riberto da Cunha até a Isaac Ferreira da Cruz. O segundo lote, que conta com R$ 35 milhões em recursos de emendas parlamentares, ligará a Isaac Ferreira da Cruz ao Contorno Leste, completando a Linha Verde ao Sul dentro dos limites de Curitiba.

Saiba o que será feito na Linha Verde Norte:

Extensão do primeiro trecho da Linha Verde Norte: 2.350m
Valor desta etapa: R$ 51.902.093,30
Obras: drenagem, canaleta, pistas marginais e locais, calçadas, ciclovia, iluminação, sinalização, as trincheiras das ruas Roberto Cichon e Agamenon Magalhães e a Estação Jardim Botânico.
Financiamento: Agência Francesa de Desenvolvimento

Bairros beneficiados nesta etapa:
– Jardim Botânico
– Jardim das Américas
– Cajuru
– Cristo Rei
– Capão da Imbuia
– Tarumã

Duas trincheiras:
– Duas no binário Agamenon Magalhães/Roberto Cichon, ligando os bairros Cristo Rei e Cajuru

Ampliação de um viaduto:
– Avenida Affonso Camargo

Estação:
– Jardim Botânico

Binários:
– Ruas Agamenon Magalhães e Roberto Cichon (não vinculado a estação de embarque e desembarque)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas