Assinada a ordem de serviço para o VLT de Arapiraca.

Nesta terça-feira, 26, aconteceu a assinatura do contrato para aquisição dos equipamentos para a implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) de Arapiraca, conhecido mais como metrô de superfície. A assinatura do contrato aconteceu no auditório da Escola de Governo com a presença do Senador Renan Calheiros (PMDB), do prefeito Luciano Barbosa (PMDB), do deputado federal Benedito de Lira (PP), deputado estadual Ricardo Nezinho (PTdoB) e representantes da empresa responsável pela implantação da obra.

O senador Renan destacou a importância da obra para o crescimento de Arapiraca e aproveitando a oportunidade sugeriu que o mesmo sistema possa ser implantado em um futuro em cidadãs como Palmeira dos Índios, União dos Palmares, Delmiro Gouveia. “Arapiraca é uma das cidades que mais crescem no Brasil. O Luciano ousa ao implantar esse VLT com recursos da prefeitura é uma prova da sua maneira inovadora de governar. Será preciso depois levarmos um ramal até o campus da Ufal em Arapiraca e construir novas estações”, frisou.

“Luciano está levando para outros municípios o seu estilo de governar”, complementou o senador. Renan destacou ainda que na semana passada esteve em audiência ao lado do prefeito Luciano Barbosa com o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, quando fez um pedido para que a licitação destinada a construção da nova subestação de energia elétrica de Arapiraca seja realizada até o mês de maio deste ano. “É uma obra necessária para o crescimento econômico não somente de Arapiraca, mas de todo o agreste”, disse.

Ainda em seu discurso, o senador informou ter tido uma conversa com a ministra da Casa Civil, Dilma Rouseff, onde pediu apoio ao projeto de ampliação da adutora de Arapiraca. O município tem sofrido com a falta de água e a capacidade da adutora já está ultrapassada. “Água e energia são fundamentais para a implantação de projetos como o da Mineradora Vale Verde, que vai gerar emprego e renda na região entre Arapiraca e Craíbas. Precisamos de políticas públicas para mudar o perfil econômico de Alagoas”, ressaltou Renan.

O prefeito Luciano Barbosa mais uma vez destacou o trabalho do senador Renan em prol deArapiraca. “Os investimentos que temos feitos em Arapiraca acontecem graças ao governo federal, em particular ao senador Renan Calheiros”, disse Barbosa.

A solenidade teve ainda a presença da ex-prefeita Célia Rocha, do prefeito de Craíbas, Dinho Leite; dos ex-vice-prefeitos José Barbosa e Severino Lúcio, dos ex-prefeitos de Arapiraca, Severino Leão e de Feira Grande, Almir Lira; de secretários municipais, vereadores Graça Lisboa, Rogério Nezinho e João dos Santos, empresário Adoniran Guerra; do presidente do PMDB em Arapiraca, José Macedo; lideranças empresariais e comunitárias, entre outros.

O projeto

De acordo com o projeto, o metrô de superfície será implantado nos trilhos da linha ferroviária que corta a cidade entre a Estação Central e a Vila São José, zona rural. O percurso de nove quilômetros vai passar pela área central da cidade até o Distrito Industrial. O VLT de Arapiraca será um dos mais modernos do País, inclusive com ar-condicionado. O objetivo é reativar o transporte de passageiros numa área entre o Distrito Industrial e a Vila São José, atendendo mais de 20 bairros da zona urbana, além de comunidades da área rural.

Durante a apresentação do projeto, o diretor da empresa Bom Sinal Indústria e Comércio, Márcio Florenzano, disse que o metrô de Arapiraca será um dos mais modernos do País. O empresário revelou que os equipamentos já foram adquiridos diretamente da Alemanha. Ele explicou que o metrô de superfície será implantado nos trilhos da linha ferroviária que corta a cidade entre a Estação Central e a Vila São José, zona rural. O percurso de dez quilômetros vai passar pela área central da cidade até o Distrito Industrial.

Florenzano esclareceu que serão investidos R$ 9,4 milhões para implantação do VLT, que terá dois carros, ar-condicionado e capacidade para acomodar 360 passageiros sentados. O VLT será movido a óleo diesel e vai circular com velocidade máxima até 80 km/h. A previsão é de que a primeira composição comece a circular já no mês de setembro deste ano.

por Redação com informações de Assessoria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas