Agecopa detalha projetos aos vereadores de Cuiabá

Os seis diretores da Agência Estadual de Execução dos Projetos da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 (Agecopa) participaram na manhã desta quinta-feira (17.03) da sessão especial da Câmara de Cuiabá, requerida pelo vereador Misael Galvão, vice-presidente da Comissão de Transportes. Durante a reunião, os diretores esclareceram as dúvidas dos vereadores sobre os preparativos para o Mundial da FIFA e reafirmaram a disposição de estreitar o relacionamento com o Parlamento municipal.

Os pontos mais abordados durante o encontro foram as obras de mobilidade urbana que devem ser licitadas nos próximos meses. O presidente da Agecopa, Yênes Magalhães, detalhou os projetos de melhoria no trânsito e nos transportes coletivos da Capital, que integram o plano de mobilidade da Região Metropolitana.
O Ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, deve vir a Cuiabá nos próximos dias lançar o edital de licitação das obras que serão realizadas nas avenidas da FEB, Fernando Correa da Costa e Miguel Sutil. São viadutos, trincheiras e alargamentos de vias que custarão R$ 388 milhões. Desse total, R$ 360 milhões serão recursos do governo federal e R$ 28 milhões sairão dos cofres do Estado.
Yênes esclareceu que as grandes intervenções (viadutos, trincheiras, elevados, etc) serão precedidas das obras de desbloqueio que criarão alternativas de tráfego para cada trecho a ser modificado. Parte destas obras de desbloqueio depende da análise do Conselho Estadual de Meio Ambiente (Consema), que se reúne nesta sexta-feira (18).
Em relação às desapropriações, o presidente da Agecopa reafirmou que é preciso finalizar todos os projetos para saber o número de imóveis que serão afetados e de que forma (parcial ou integral). Ele confirmou que os procedimentos, coordenados pelo secretário Extraordinário de Apoio às Ações da Agecopa e PAC, Djalma Mendes, serão discutidos em audiências públicas que vão tratar dos diferentes aspectos das obras de mobilidade na Capital e em Várzea Grande.
O diretor de Infraestrutura da Agecopa, Carlos Brito, ressaltou que a Copa é uma construção coletiva e cada um dos agentes públicos e privados e a própria sociedade organizada deve assumir suas responsabilidades de acordo com a esfera de competência. Ele citou como exemplo as adequações de engenharia de trânsito que deverão ser realizadas pelas prefeituras, a melhoria dos sistemas público e particular de saúde, do sistema de segurança, da capacitação dos profissionais que vão receber os turistas, entre outras medidas que podem ser tomadas, inclusive por iniciativa do poder legislativo.
“Ou fazemos um grande mutirão institucional e propositivo para melhorar a vida da população e preparar Cuiabá para receber a Copa, ou perderemos uma oportunidade histórica. A Agecopa não vai resolver todos os problemas de Cuiabá e de Mato Grosso, mas está à disposição dos Poderes e da comunidade para construir uma agenda positiva que assegure o direito de todos ao grande legado que a Copa representa”, disse Brito.
O diretor de Comunicação e Marketing, Roberto França, ex-vereador e ex-presidente do legislativo cuiabano, disse que a iniciativa da Câmara coincide com a determinação da Agecopa de estreitar o relacionamento com a sociedade e seus legítimos representantes no plano municipal, os vereadores. “A exemplo dos vereadores, os diretores estão empenhados em garantir os grandes legados em todos os setores, a começar pela melhoria da infra-estrutura urbana e pelo fomento ao turismo”, citou França.
Os diretores Yuri Bastos Jorge (Assuntos Estratégicos), Agripino Bonilha Filho (Articulação Interinstitucional) e Jefferson Castro (Orçamento e Finanças) também responderam aos questionamentos dos vereadores em relação às suas áreas de atuação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas