5 empresas participam de licitação para geração de energia em Oiapoque

Leilão será realizado no dia 26 de agosto na sede administrativa da CEA. Nova empresa e produtor independente de energia evitarão racionamentos.

Cassio Albuquerque
Cinco empresas concorrerão a uma licitação promovida pela Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) para a realização dos serviços de fornecimento de energia elétrica para o município de Oiapoque, distante 590 quilômetros de Macapá. O leilão ocorrerá no dia 26 de agosto na sede do órgão.
De acordo com a diretoria da CEA, a empresa vencedora terá que cumprir determinadas exigências para evitar problemas de racionamento no município e nas áreas isoladas. Oiapoque é a única cidade do estado que ainda é abastecida por um sistema isolado.
Durante o inverno, a população chegou a ficar 24 horas sem energia em razão dos atoleiros na BR-156 que impediram o transporte de óleo diesel que vem da capital e abastece os geradores da usina termelétrica do município.
“A atual empresa tem estoque reserva de combustível apenas para 18 dias nos casos de obstrução da BR causadas pelos atoleiros. No edital, uma das nossas exigências é que o estoque das empresas que participarão da licitação seja de no mínimo, 30 dias, além da boa qualidade do serviço”, explicou o diretor de planejamento e extensão da CEA, José Elias Rosa.
O resultado da licitação será homologada em novembro pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Em dezembro será assinado o contrato com a empresa vencedora, que terá até 10 meses para iniciar o serviço. A duração do contrato será de 15 anos.
Energia Alternativa
Além da contratação da empresa que prestará o serviço de abastecimento, a CEA também iniciará a licitação para a contratação de um produtor independente de energia alternativa para o município de Oiapoque que funcionará junto com a usina termelétrica. A previsão do leilão é para setembro.
Segundo o diretor de planejamento do órgão, serão mais 64 megawatts de potência nos geradores, quantidade suficiente para abastecer o município, além do distrito Clevelândia do Norte e Aldeia do Manga.
Entre as ações, está inclusa a instalação de uma Pequena Central Hidrelétrica (PCH) do Salto da Cafesoca, usina localizada no Rio Oiapoque. As obras estão previstas para iniciar em 2015 e estão orçadas em R$ 80 milhões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Pesquise as licitações no seu segmento agora

    Preencha seus dados para concluir a pesquisa

    Confira quantas oportunidades de venda existem no momento.
    Digite nome, e-mail e telefone para ver os resultados.





    Oportunidades de negócio esperando por você

    Aproveite o nosso período de teste gratuito e tenha sucesso no mercado de licitações.

    Licitações e dispensas